Cinco escolas estaduais em Muriaé podem ser premiadas pelo Estado
29/11/2022 14:06 em Notícias Gerais

As escolas estaduais Capitão Roberto José Ferreira; Engenheiro Orlando Flores e Temístocles Eutrópio; EE João Teixeira Siqueira, EE Padre Maximino Benassati estão aptas a concorrer na terceira edição do Prêmio Escola Transformação 2022. A lista oficial foi divulgada pela Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais, na página 26 do Diário Oficial do Estado de sábado (26/11).

Nesta edição, serão concedidos 350 prêmios, distribuídos para 290 escolas, divididos por nível de ensino, categoria de premiação e porte da instituição. Cada unidade receberá R$ 100 mil em dinheiro, por premiação, para serem usados no desenvolvimento de projetos pedagógicos, conforme orientação e critérios estabelecidos no Portfólio Pedagógico da SEE-MG. Confira a lista de premiadas neste link.

A iniciativa tem por objetivo reconhecer e premiar experiências de sucesso das escolas públicas estaduais de Minas. Os destaques vão para os resultados de desempenho nas avaliações aplicadas na rede e nos resultados parciais de fluxo escolar nos seguintes níveis do ensino: anos iniciais do ensino fundamental, anos finais do ensino fundamental e ensino médio.

 

Premiação

 

A premiação das escolas é feita a partir do Índice Escola Transformação (Inest), que leva em consideração os indicadores de fluxo e desempenho dos estudantes. Nesta terceira edição, o prêmio é dividido em duas fases e a unidade vencedora pode ser premiada em dois momentos. A escola premiada pelos melhores resultados da Categoria I ou II e, caso apresente melhoria no desempenho do Programa de Avaliação da Rede Pública da Educação Básica (Proeb) 2022, do nível premiado, em relação à edição de 2021, receberá outros R$ 100 mil após a publicação dos resultados em 2023.

 

Edições

 

Ao longo deste ano, foram realizadas três edições do Prêmio Escola Transformação 2022.  Na primeira edição, as escolas destacadas foram agraciadas com uma menção honrosa. Já na segunda e terceira edições, os prêmios são recursos financeiros para o desenvolvimento de projetos pedagógicos. Ao todo, o programa distribuirá mais de R$ 105 milhões entre mais de mil premiações a escolas da rede estadual.

Participam da iniciativa as escolas de ensino regular que possuam dez ou mais estudantes matriculados no 5º ano do ensino fundamental, no 9º ano do ensino fundamental ou na 3ª série do ensino médio (tradicional e integrado), desconsideradas as turmas multisseriadas ou de correção de fluxo e as turmas de educação especial.

Foto: Sargento Rangel / Foto capa: escolaanimada

COMENTÁRIOS